sexta-feira, novembro 08, 2013

Não sou o que me procura, sou o que me move!




Entendo que na vida devemos fazer o que nos incita
Tudo o resto move-se em consequências kármicas
Mas o primeiro passo é meu!
Não sei a importância das coisas antes de as experimentar…
Não sou o que me procura, sou o que me move!

Sem comentários:

Analytics