quarta-feira, janeiro 04, 2017

A importância da coerência na educação...



Eu sou a chamada vítima da modelagem. É verdade, as minhas filhas copiam-me em tudo. Em alguns casos nota-se logo, noutros nem por isso, daí partilhar contigo este texto sobre a coerência na parentalidade. E tu, que és pai ou mesmo que ainda não estejas a viver esta AVENTURA, diz-me o que achas disto da coerência!

Considero a COERÊNCIA um dos pilares da educação de uma criança, vejo-o como uma necessidade vital para a felicidade e ESTABILIDADE familiar. No entanto, ser coerente na educação nem sempre é fácil, principalmente quando na maioria dos casos nem sequer conseguimos ser coerentes connosco próprios.

Então qual será a melhor forma ou a melhor abordagem a adotar no nosso comportamento enquanto pais ...
Esta não é uma tarefa fácil, mas é possível e vais ver que ao adotares tu próprio uma atitude coerente, poderás melhorar a tua própria inteligência emocional...

...


É muito simples perceber esta dinâmica: é como quando a criança entra para a primária e começa a aprender os primeiros conceitos de matemática simples, tais como a soma e a subtração.

Aprende uma sequência lógica em que dois mais dois são quatro. Ou quatro menos dois são dois. É uma regra simples que a criança vai treinando e experimentando, adquirindo uma aprendizagem que se baseia nesse conhecimento de causa-efeito...

Coerência é um dos principais requisitos para o teu filho aprender a prever situações. 

Let’s face it, a imprevisibilidade está em todo o canto e esquina, é o pão nosso de cada dia. ... Enfim! Vivemos numa ansiedade constante. Mas não precisamos de o transmitir aos nossos filhos. Para as crianças a falta de coerência provoca-lhes ansiedade, e é por isso que os teus filhos, assim como as minhas filhas, precisam tanto que sejamos coerentes, para que consigam prever o que poderá acontecer se não forem a horas para a cama ou se não fizerem os trabalhos de casa antes do jantar!

E é por isso que a coerência é uma ferramenta de aprendizagem fundamental na educação de um filho.


Para leres este texto na integra vai ao The How To Project.

Sem comentários:

Analytics